sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

... dualidade ...

...

... " Em vez de negar o corpo ou a matéria, trata-se de santificá-los, transfigurá-los, através de nossa não-apropriação e de nossa não-identificação a esses planos do real; além disso, a exemplo de Myriam de Magdala na esteira do seu " Bem-Amado ", trata-se de aprender pela Imaginação criadora a colocar o Amor em todo lugar em que faz falta, inclusive, em nossa inteligência e em nosso desejo " imobilizados ", 
" entravados ", " em estado de detenção ", em todo o lugar em que ele deixou de existir " ...

(- trecho do livro - Jesus e Maria Madalena - Para os Puros tudo é Puro - Jean-Yves Leloup )

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

É tempo de ...

... Compartilhar ...

o universo, em sua sabedoria, nos permite operar pequenos milagres:
... quando dividimos alegrias e sucessos, estes se multiplicam ...
... se repartirmos tristezas e dores, estas vão diminuindo ...
diminuindo, até atingirem o tamanho exato da sua insignificância ...

...

... pensamento da manhã ...

...
... " A fé ( pistis ) é acolhimento, o amor ( agapé ) é dom ...
Ninguém recebe se não tem fé ...
... ninguém é capaz de doar-se se não tem o amor ...
Nós cremos e somos capazes de acolher ...
... doamos para experimentar o amor ...
... quem doa sem amor não experimenta nada de interessante " ...

( - trecho do livro - O Evangelho de Felipe - Jean-Yves Leloup )

...

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Quando me amei de verdade ...

... " passei a ser minha própria autoridade ...
ouvindo apenas a sabedoria do meu coração.
É assim que Deus fala comigo ...
isso é o que se chama intuição " ...




...




... não ... esse post não é uma piadinha ... kkkk ...
... eu sou bem intuitiva ... só não presto muita  atenção ...  : (  ...

...

sábado, 10 de dezembro de 2011

...
... sinto muito pelas lembranças de dor que divido com você ...
... me perdoe por unir meu caminho ao teu para sarar ...
... obrigado por estar aqui por mim ... e ...
... te amo por ser quem você é ...

...

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

...


...

... " Pensamento é um momento
Que nos leva a emoção
Pensamento positivo
Que faz bem ao coração
O mal não
O mal não ...

... Sempre que para você chegar
Terá que atravessar
A fronteira do pensar
A fronteira do pensar ...

... Custe o tempo que custar
Que esse dia virá
Nunca pense em desistir, não
Te aconselho a prosseguir  " ...

( - Cidade Negra - )

- Brahma Kumaris -


“ Ao manter constante um pensamento, mais poder dou a ele.
Pensamentos positivos dão energia e força.
Pensamentos negativos roubam poder e geram cansaço.
Eu não posso controlar os outros, as situações ou as circunstâncias, mas definitivamente eu posso controlar o que está acontecendo dentro de mim.
Eu mudo através da escolha consciente dos pensamentos.
Ao mudar um pensamento fraco por um forte, eu elevo minha energia.
Leva tempo para mudar velhos padrões de pensar, mas a boa notícia é que somos positivos por natureza.”
...

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

- Rosalia Schwark -

...

" A vida nos proporcionará todas as experiências que forem
as mais úteis à evolução da nossa consciência ...
Como saberemos que determinada experiência é aquela que necessitamos?
Como saberemos se aquela é a pessoa certa para nós?
Porque ela será a experiência pela qual estaremos passando no momento.
Hoje e tudo que chegar é o momento certo para estar vivendo " !!!

...

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

...

...


... " And all of these moments just might find their way into my dreams tonight
But I know that they'll be gone when the morning light sings
Or brings new things for tomorrow night you see
That they'll be gone too, too many things I have to do
But if all of these dreams might find their way into my day to day scene
I'd be under the impression I was somewhere in between ...
... Yeah it's always better when we're together
Hum we're somewhere in between together " ...

( - Jack Johnson - ) 


... 


... adoro ... Jack Johnson ...
...
... por falar em música ... tem aquelas que a gente acostuma a ouvir com uma voz específica ... aí vem um cara e tenta interpretar e não fica tão legal   ( essa foi para pegar leve ... rs ) ... 
... enfim, hoje eu escutei - As Dores do Silêncio - interpretada por "não sei quem" e definitivamente não gostei ...
... ehhh ... hoje estou extrapolando ... tô falando d++++ ... kkkkkkkk ...
... amanhã eu fico muda ... prometo ...
...

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

... dia de bolo ...

...
... Lívia minha amiga bruxinha ... cheguei até a imprimir a receita de bolo que me mandou ... masssss
... 115 gr. de manteiga ???
... 185 gr. de iogurte ???
... isso é "alta patisserie" ... não tenho balança de precisão ... kkkk ... não dá pra ser, 2 colheres de margarina ... ( colheres de mãe ) ... kkkk ...
... enfim ... amiga manda outra receita ... você já tem meu e-mail ... mas, tem que ser receita de bruxa ... tipo ... um "punhado" de farinha ... um "tequinho" de fermento ... kkkk ... assim eu entendo ... !!!!

...


...

... então, eu fiz um bolo de maçã ... no melhor estilo " bruxa da montanha " ...
... kkkk
... e não é que deu certo !!!
... açúcar mascavo, ovo, óleo e iogurte natural ... farinha e fermento ...
... resolvi colocar um "tequinho" de rum, ( estava dando sopa ... parei de beber ... rs ) ...
... forma untada e enfarinhada ... maçã fatiada fininha com casca e castanha do pará picada, cobrindo a massa ... assou ... tá pronto !!!!

...

 
...
...  e entre fuxicos e tulipinhas ... para as lembrancinhas de maternidade da minha sobrinha Alice ...
... aliás, isso vai dar confusão ... Aliks ... Alice ... a pronuncia é praticamente igual ... kkkk ...
... 
... depois de frio o bolo ... pausa para o lanche ...
...

domingo, 4 de dezembro de 2011

... na roça ...

...
... tem gente que não gosta quando eu falo que moro na roça ...
... mas, olhem só essas imagens ...

...
... eu estava na varanda quando desceu essa boiada ...

...
... olha só o tamanho do touro ... !!!!!!!

...
... eles foram até na esquina e voltaram ... desistiram de dar uma voltinha no centro da cidade ... kkkkkk ...
... as fotos não ficaram "grande coisa" ... os fios de energia elétrica atrapalharam ...
... eu é que não tive coragem de descer para tirar fotos de perto ... kkk ... apesar de ter sido criada no sítio dos meus avós ... eu morria de medo de vaca e galinha ... kkkkkkkkk ...


...
... voltaram para casa antes da chuva ...
... kkkkkkkkk ...
...
... deixa eu me aprontar para missa senão chego atrasada ...
... fui ...
...



sábado, 3 de dezembro de 2011

Espaço para o novo...

...

Acho que todos nós estamos nos deparando com as feridas mais profundas... aquelas que nos impedem de sequer entrar em contato com elas por medo de sofrer de novo.
Estamos passando por um tempo de purificação, de olhar nos recantos mais escondidos aquilo que está no mundo das sombras, por nos trazerem memórias de dor.
Parece que nesse tempo nada mais quer ficar escondido e tudo vai se revelando de uma forma ou de outra. É tempo de olhar lá no fundo, onde guardamos coisas das quais nem nos lembramos mais, mas que escondidas ficam ainda maiores do que realmente são...

O tão temido mundo das sombras pode não ser tão ruim assim... e quando entramos em contato e permitimos que as dores antigas cheguem à superfície, se não voltamos com elas para o lugar onde estavam escondidas, podemos nos surpreender como temos todos os recursos para curá-las e deixá-las ir de vez.
As dores que estão aí guardadas são memórias de dores já passadas... e, quanto mais tentamos evitar esse contato, maiores elas nos parecem... se as temos na memória é porque já vivemos e, portanto, pertencem ao passado... mas guardadas aí elas criam nosso presente dia após dia.... porque, na sombra, elas têm o potencial de se manifestar de novo e de novo... e a cada repetição mais limitam nossa realidade.
Se as liberamos elas param de se manifestar na nossa realidade.

Claro que quando elas vêm à tona, acessamos um pouco do estado de consciência em que elas foram criadas... e nosso primeiro impulso pode ser de guardar de novo o que nos causa dor... assim, como quando tiramos de uma gaveta uma foto que nos lembra situações de sofrimento, logo queremos guardá-la em um local onde não vamos encontrá-la nunca mais, escondemos o mais que podemos as coisas que nos remetem à dor...

Mas nesse tempo, penso que elas não têm mais como ficarem escondidas e pedem por resolução... por liberação de tudo que nos impede de Ser livres e plenos.

Entendo que tudo que foi criado no grande ciclo que estamos finalizando, deve ser liberado para que o novo chegue.
E a melhor forma de lidar com o que está no mundo das sombras... é olhar para o que vier, sabendo que são coisas já vividas, sem julgamento... Não classificar como bom ou ruim nos mantêm em um estado de observação distanciada que faz com que tudo encontre naturalmente o seu lugar. Eu acredito que o Universo tem uma energia de resolução que poderia funcionar em todas as situações, se nossas crenças não atrapalhassem.

Estamos alimentando e criando as mesmas situações, quando temos apego ou aversão a elas... apego e aversão têm o poder de manter o nosso foco em coisas que "queremos" ou "não queremos", de uma forma ou de outra estamos criando a mesma realidade momento a momento.... e como apego e aversão são do ego, em ambos os casos estamos criando coisas que podem não ser o que vai nos trazer felicidade.

Se você quer, a todo custo, ter ou evitar algo, está impedindo o presente de se manifestar com toda sua força, porque apego e aversão vêm de memórias de experiências passadas.

Olhar para o que se manifesta na nossa realidade, no presente, com distanciamento, sem julgar, sem tentar prender ou excluir, é um caminho que pode liberar o que guardamos no mundo das sombras, com mais suavidade... e a partir daí podemos nos abrir para receber o novo... que só está esperando que deixemos espaço para ele...

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

... Ó Mãe ...

...


" Reflete meu reflexo, ó Mãe
Grandiosa em tua bondade
Ensina-me a caminhar e
ouvir e sentir os sinais enviados
pelo teu amor infinito!
Que a venda caia de meus olhos
e a palavra não dita
derrame em meus ouvidos,
para que eu possa cumprir
minha humilde missão.
Que minha mão toque o inatingível
Que minha boca sopre o segredo da vida
Que meu corpo vibre o inadiável
para a concretização de teu ideal "



...

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

... sou assim mesmo ...

...
... meu signo de Virgem ... faz de mim uma florzinha no jardim ...
... meu ascendente em Áries ... faz de mim uma " bronquinha " danada ...
... minha lua em Peixes ... faz de mim misticamente indecifrável ...
... kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk ...
...